quarta-feira, 28 de dezembro de 2016

Buns Suecos de abóbora e noz

 Olá...

O Natal já lá vai, espero que vos tenha corrido pelo melhor. Agora vem ai a passagem de ano, e não nos podemos descorar dos docinhos. Vamos esquecer as dietas, deixemos isso para depois dos reis. Até lá vamos aventurar-nos um pouco mais na cozinha e depois consolar a barriguinha com as iguarias, até porque "É Natal a dieta não leva a mal".

Aproveitei hoje um tempinho, para vos vir deixar uma receitinha, que ainda podem aproveitar para a passagem de ano. Esta receita foi baseado no blog coco & baunilha, dei os meus toques e o resultado... Espero que gostem...





INGREDIENTES:

      Massa
  • 100 gr de manteiga á temperatura ambiente
  • 100 gr de açúcar amarelo
  • 320 gr de leite
  • 1 c. chá de sal
  • 25 gr de fermento  de padeiro
  • 600 gr de farinha
  • 1 c. chá bem cheia de canela
       Recheio
  • Compota de abóbora (feita por mim)
  • Nozes picadas grosseiramente
       1 ovo batido para pincelar
       Açúcar mascavado para polvilhar

PREPARAÇÃO:

Comecei por alimentar o fermento, este processo faz com que a fermentação seja mais rápida e a massa fique ainda mais fofa. Assim sendo, pegue no fermento coloque-o numa tigela acrescente 100 gr de farinha e 60 gr de água. Mexa até ficar uma bolinha e deixe descansar por 20 minutos.

Aqueça o leite com a manteiga até esta derreter, e deixe arrefecer até amornar (37ºC). 
Na batedeira coloque o fermento, o leite morno, o açúcar, a canela, o sal e a farinha. Amasse até formar uma massa lisa e elástica (até que não se cole ás mãos).

Tape com um pano e deixe levedar até que dobre de volume.

Estando a massa pronta, forre 2 tabuleiros com papel vegetal. Vire a massa para uma bancada enfarinhada e amasse-a mais um pouco para que perca o ar. Estenda a massa em forma de retângulo com cerca de 50 x 60 cm. Espalhe o recheio.
Dobre a massa em terços, da mesma maneira como se dobra uma carta. Irá obter um retângulo com cerca de 50 x 20 cm. Corte o retângulo ao meio de forma a obter 2 retângulos com 25 x 20 cm.
De seguida corte tiras no sentido do comprimento com cerca de 3cm de largura. Corte cada tira ao meio, no sentido do comprimento, mas sem cortar a extremidade superior, estique-as com cuidado e entrelace-as uma na outra e forme um nó.

Pré aqueça o forno a 250ºC.
Disponha no tabuleiro.
Deixe descansar por mais 30 minutos.
Pincele com o ovo batido e polvilhe com açúcar mascavado.
Leve ao forno cerca de 10 a 15 minutos ou até ficarem dourados a 200ºC.










**BOM APETITE & BOAS FESTAS**








segunda-feira, 21 de novembro de 2016

DONUTS

OLÁ...

Será que existe alguém que diga, eu não gosto de DONUTS? Hmmm, acho que não, a diversidade é tanta. Desde simples, recheados, coberturas de mil e uma maneira. Alguém resiste!!!!



Pois bem, desta vez aventurei-me nestes miminhos, espero que vocês também se aventurem... Vale mesmo apena...

ÍNGREDIENTES (+/- 50 und):

  • Fermentação
          - 45 gr de fermento de padeiro
          - 120 ml de água
          - 200 gr de farinha


  • Massa
           - 100 gr de açúcar
           - 1 c. chá de sal
           - 100 gr de margarina
           - 3 ovos
           - 250 ml de água
           - 1 kg de farinha

PREPARAÇÃO:

O primeiro passo de todos é "alimentar" o fermento. Este passo vai fazer com que a massa fique bem fofinha. Assim sendo, numa tigela junte os 3 íngredientes misture com um garfo ou com a mão, e deixe essa massa descançar por 20 minutos.

Após o passo do fermento vamos á massa. Junte ao fermeto os ovos, o sal, a margarina, o açúcar, a água e metade da farinha mexa. Vire a massa para uma bancada polvilhada de farinha e continua a amassar e acrescentar farinha até  a massa não colar ás mãos.

Pronta a massa deixe-a descançar até que esta dobre de volume. Já têm uma massa bem fofa? Pois bem, faça as argolinhas do tamanho que desejar. Estenda a massa até uma grossura de cerca de meio centímetro e recorte argolas. Volte a deixar descançar por 15 a 20 minutos.

Agora, e só fritar os donuts até dourarem em óleo abundante e temperatura controlada.

O toque final esse fica ao seu gosto. Eu fiz donuts simples, apenas polvilhados com açúcar. Donuts recheados com creme de pasteleiro com cobertura de glacê rosa e donuts recheados de creme de pasteleiro de chocolate com cobertura de chocolate. 



Acreditem vale mesmo apena, a massa fica mesmo fofa... 




        ***** BOM APETITE*****


sábado, 15 de outubro de 2016

Bolo Outono

Olá....


Pois é, o tempo já não engana o Outono chegou com força. Confeço que é uma das minhas estações favoritas, não há calor em demasia, o frio é ameno e a lareira já sabe muito bem. Assim sendo, hoje trago uma receita bem quentinha, para estes dias de outono se tornarem mais quentinhos.

Dei-lhe o nome de Bolo Outono e acompanhado com um chá... hmmm




INGREDIENTES:


  • 3 ovos
  • 100 ml de óleo
  • 180 gr de açúcar
  • 1 iogurte (sabor da sua preferência)
  • 100 gr de uvas de mesa
  • 2 maçãs descascada, descaroçadas e cortadas aos quadradinhos
  • 300 gr de farinha
  • 1 c chá de fermento em pó
  • canela q.b.
  • noz moscada q.b.
  • raspa de limão
  • amêndoa laminada

PREPARAÇÃO:

Pré-aqueça o forno a 180ºC e unte uma forma.

Muito simples a preparação, num recipiente junte todos os íngredientes e envolva tudo com uma colher de pau. Anteriormente deve retirar a grainha das uvas e cortá-las a meio. Descascar as maçãs e cortá-las aos quadradinhos.
A amêndoa é para polvilhar por cima da massa na hora de ir ao forno.

Simples, leve ao forno por 30 minutos, confirme com o teste do palito. Na hora de servir pode polvilhar com açúcar em pó.






           ***** BOM APETITE*****  








sábado, 8 de outubro de 2016

Bolo de Chocolate húmido

Olá....


Piadinhaaaa, na página do facebook batizei o bolo com um nome engraçado " Bolo de Chocolate que não engorda"... Pois, o bolo não engorda. Engorda quem o come... (ahahahah).

Piadas à parte...
... à muito que andava para fazer esta receita, que se caracteriza por ser um bolo de sabor forte a chocolate, fofo e ao mesmo tempo super húmido. Assim sendo, juntei uma data especial a uma receita igualmente especial...

Usei esta receita para oferecer de presente de aniversário à Clarinha que tanto queria um bolo da Hello kitty... Desde já realço que a decoração foi a meu gosto, já a receita da massa vem do canal de you tube da Dulce Delight. Espero que gostem.




INGREDIENTES (forma 30x30):

  • 250 gr farinha
  • 1 pitada de sal
  • 2 c. de chá de fermento
  • 2 c. chá de bicarbonato de sódio
  • 6 ovos
  • 300 gr de açúcar
  • 340 gr de chocolate negro
  • 450 gr de iogurte natural
  • 200 gr de manteiga
  • 25 gr de chocolate em pó
  • 3 c. sopa de água
PREPARAÇÃO:

Pré-aqueça o forno a 180ºC e unte uma forma. 


  • Em um recipiente junte os ingredientes secos. 
  • Num segundo recipiente junte as gemas com o açúcar.
  • Num terceiro, e em banho-maria junte o chocolate, o iogurte e a manteiga. Deixe derreter até que fique uma mistura homgênea.
  • Numa tigela misture o chocolate em pó com a água. Envolva no preparado do banho-maria.
Bom... agora vamos á junção da coisa... Junte a gemada aos secos, misture tudo muito bem com a vara de arames. Estando tudo misturadinho junte o chocolate, que foi derretido em banho-maria, até ficar uma massa lisinha. Verta a massa para a forma e leve ao forno por 30 minutos, mas faça sempre o teste do palito.

O recheio foi feito com chantilly e com crocante. A decoração essa também foi feita com chantilly. Acreditem o bolo é divino... Experimentem... 




         ***** BOM APETITE *****








quinta-feira, 8 de setembro de 2016

Bolo S. Marcos

OLÁ.....


Desde a primeira vez que vi uma foto deste bolo que eu o escrevi como um bolo a fazer... Pois bem, chegou o momento e desde já aviso que não me decepcionei com o resultado.

Superou todas as minhas espectativas, um bolo fresco, suave no paladar e divinal ao olhar.

                  Assim sendo, chegou o momento de vos apresentar o BOLO S. MARCOS.






ÍNGREDIENTES (forma 16cm largura x 10 cm altura):

O bolo é constituído por: massa de pão-de-ló
                                       - creme de natas
                                       - doce de ovos
                                       - calda de açúcar
                                       - Caramelo líquido (comprei)
  • BOLO
                    - 2 ovos
                    - 90 gr de açúcar
                    - 60 gr farinha peneirada
                    - 1 c. chá de fermento

Bata os ovos com o açúcar até ficar uma massa fofa. Peneire a farinha e o fermento e envolva cuidadosamente ao preparado anterior. Leve ao forno pré aquecido a 180ºC por apróximadamente 20 minutos.


  • RECHEIO
                          - 100 gr de leite condensado
                          - 200 gr de natas
                          - 5 folhas de gelatina incolor
                          - 1 c. de chá de baunilha líquida

Coloque as folhas de gelatina a demolhar.
Bata as natas até ao ponto chantilly, estas devem estar frescas. Acrescente-lhe o leite condensado e a baunilha. Escorra as folhas de gelatina, leve-as ao microndas até derreterem. Sem parar de mexer, verta a gelatina em fio no preparado das natas.




  • DOCE DE OVOS
                            - 1 c. de sopa de margarina
                            - 3 c. sopa de açúcar
                            - 4 c. sopa de água
                            - 4 gemas
                            - 1 c. chá de amido de milho

Leve ao lume a água, a margarina e o açúcar até a margarina derreter por completo.
Separamente desfaça as gemas sem bater e misture a farinha. Verta a calda para a gemada sem parar de mexer, com um vara de arames e por último leve ao lume novamente mexendo sempre até engrossar. Levar ao frio até arrefecer,



  • CALDA
        - 100 ml de água
        - 4 c. sopa de açúcar
        - 1 casca de laranja
        - 1 c. sopa de licor a gosto (usei whisky)


Leve a água, o açúcar, e a casca de laranja ao lume até levantar fervura. Após ferver desligue e reserve quando amornar acrescente o licor. Use esta calda para molhar a massa de pão-de-ló.



                                            CONSTRUÇÃO
Comece por fazer o pão de ló. Enquanto este arrefece prepare o doce de ovos, e leve-o ao frigorífico até arrefecer. De seguida a calda de açúcar para que esta arrefeça também. Prepare agora o creme de natas. Agora cortar o bolo em dois e colocar no fundo de uma forma de aro amovivél, regar o bolo com a calda, colocar entre as duas metades do bolo o creme de natas. Por cima da colo coloque o creme de ovos e leve ao frigorífico. Na hora de servir cubra com o caramelo líquido.                                                         



hmmmmm... quanto mais fresquinho melhor...












                   ***** BOM APETITE*****



quinta-feira, 1 de setembro de 2016

Tarte de Figos


OLÁ......

Hoje tomei conhecimento de um provérbio que até á data eu desconhecia,

"Em tempo de figos, não há amigos."


Desse lado já conheciam este provérbio?

Eu achei estranho e, assim sendo fui atrás da simbologia dele. Não, não significa que as pessoas no tempo dos figos são mais falsas umas para as outras ou algo do género.

Mas sim, sendo o figo um fruto muito melindroso, que atinge a sua maturação muito rápido a sua apanha tem de ser controlada todos os dias e rápida. Não existindo muita disponibilidade para convívios com os amigos...



Uffff, ainda pensei que os figos simboliza-se os inimigos, mas não. Até se podem juntar todos para fazer a apanha dos mesmos, e assim, junta-se o útil ao agradável.


Agora um pouco mais exclarecida, partilho com todos vós a Tarte de figos que a  LILI fez, espero que gostem...







INGREDIENTES (forma 10cmx30cm):


  • Base:
                  - 200 gr de farinha
                  - 100 gr de manteiga fria
                  - 1/2 c. de chá de sal
                  - 1 gema de ovo
                  - 3 c sopa de açúcar
                  - 20 gr de leite

Junte todos os íngredientes até formar uma massa uniforme. Envolva-a em película e leve ao frigorífico por 30 minutos.



  • Recheio
                     - 80 gr de açúcar
                     - 100 gr de amêndoa moída
                     - 1 c. sopa de farinha
                     - 4 ovos
                     - 1 c. de café de baunilha líquida
                     - 1 c. chá de fermento em pó
                     - Figos q.b.

Bata os ovos com o açúcar, acrescente-lhe a baunilha. Envolva-lhe e farinha, o fermento e a amêndoa.

MONTAGEM:

Estenda a massa e forre a tarteira. Sobre a massa verta o creme e por último distribua os figos .
Leve a forno pré-aquecido a 180º por 30 minutos.

Desenforme frio. Na hora de servir polvilhe um pouco de açúcar em pó..........

                                            ............e..........



                    *****BOM APETITE*****   






P.S. Ainda aproveitei umas sobrinhas para fazer umas tarteletes de figos.


terça-feira, 2 de agosto de 2016

Charlote de pêssego da lili

Olá...

Sol e muito calor, só podem pedir sobremesas bem fresquinhas. E enquanto as férias não chegam, vamos nos consolando com uns docinhos fresquinhos sem pensar nas calorias.

Assim sendo, com estas temperaturas não vamos ligar o forno da cozinha e aquecer ainda mais a casa. Por isso nesta altura do ano a maior parte das sobremesas são feitas sem forno. Desta vez optei por fazer uma charlote de pêssego, uma sobremesa que sempre ma encantou as vistas desta vez espero que encante as vossas vistas..



INGREDIENTES:

- biscoitos de champanhe (para forrar fundo e laterais da forma)
- 2 latas de pêssego em calda
- 3 pacotes de natas (200ml cada)
- 5 c.s de açúcar
- 10 folhas de gelatina
- whisky q.b


PREPARAÇÃO:

As quantidades que eu coloquei foram as que usei para a minha forma ( 20cm x20cm). Esta receita é simples, rápida e fácil. Na hora de forrar a forma com os biscoitos de champanhe, eu optei por forrar uma forma com papel vegetal e depois forrei com os biscoitos, o fundo e as laterais. Mas, podem sempre pegar no aro e colocá ft-lo no prato onde vai servir a sobremesa.

Assim sendo, mãos-á-obra...

Coloque as folhas de gelatina a demolhar em água fria (7 + 3). 

Vamos começar por forrar a forma com os biscoitos. Molhe os biscoitos na calda dos pêssegos e forre o fundo e as laterais da forma. Reserve.

Preparemos o creme, coloque as natas a bater, estas devem estar frescas. Aos poucos vá acrescentando o açúcar, deixe bater até obter o ponto chantilly.

Na varinha mágica triture 2 pêssegos (4 metades). Adicione o whisky e as 7 folhas de gelatina já derretidas. Por último misture este preparado ás natas, verta em fio deixe bater até ficar tudo bem incorporado.

Agora, só falta verter o creme para a forma onde estão os biscoitos. E levar ao frigorifico por pelo menos 4 horas. Para a cobertura, eu reduzi a puré os restantes pêssegos, acrescentei-lhe 3 folhas de gelatina e verti sobre as natas. Depois é só levar novamente ao frigorifico até solidificar.

Desenforme e hhhmmmmm...






               ***** BOM APETITE*****

terça-feira, 26 de julho de 2016

Cheesecake de cereja

OLÁ...

Acho que esta receitinha ainda vem a tempo das cerejas. Por isso mesmo corra para comprar as suas e mãos-á-obra.

Sabe descaroçar cerejas?
Pois bem, só precisa de uma garrafa de cerveja e um palito de espetadas. Depois é colocar a cereja na "boca" da garrafa e com o palito fazer pressão no centro da cereja, de modo que o caroço caia dentro da garrafa.


Assim sendo, vou apresentar-vos o meu primeiro cheesecake de forno, com as minhas alterações. Se não quiser fazer com cereja faça com uma compota com a fruta da sua preferência.  Espero fazer-vos água na boca.




INGREDIENTES (para uma forma de tamanho dito normal dobre a receita):

- 200 gr de bolachas
- 100 gr de manteiga

- 200 gr de queijo creme
- 5 ovos
- 5 c. sopa de açúcar
- raspa d limão q.b.

- 200 gr de cerejas descaroçadas
- 3 c. sopa de açúcar
- 2 c. sopa de água
- 2 folhas de gelatina


PREPARAÇÃO:

Comece pelo final ou seja, vamos preparar a cobertura para que possa arrefecer. Leve em uma panela pequena as cerejas descaroçadas, 3 colheres de açúcar e 2 colheres de água é leve a lume brando até que ferva. Após ferver deixe só mais uns 4 minutos (para que ainda fiquem com alguma consistência). Retire do lume e deixe arrefecer. Quando o preparado estiver morno acrescente as folhas de gelatina já demolhadas. Se preferir uma compota triture tudo com a varinha mágica e deixe cozinha até atingir o ponto estrada.

Em segundo lugar, vamos preparar a base do cheesecake. Triture as bolachas acrescente a manteiga á temperatura ambiente e misture muito bem até formar uma espécie de farofa. Forre uma forma de fundo amovível (eu forrei o fundo e as laterais).

Por último vamos ao creme, coloque o creme de queijo, os ovos, as 5 colheres de açúcar e as raspas de limão. Bata até ficar uma mistura homogénea. Verta o creme sobre a bolacha, e leve ao forno pré-aquecido a 180ºC durante 40 minutos. Certifique-se que está cozido com o teste do palito.

Pós estar cozido deixe arrefecer. Quando for para servir desenforme e decore a gosto com as cerejas.






       **** BOM APETITE ****





quarta-feira, 15 de junho de 2016

Semifrio dois sabores

Olá.......

" Nem toda a distância é ausência, nem todo o silêncio é esquecimento"


E eu, não me esqueci de vocês...

O tempo quente está a chegar e as sobremesas frescas começam a saber pela vida. Por isso mesmo apresento o meu Bolo Primaveril... Espero que gostem.





PREPARAÇÃO:

Creme de pasteleiro:

Para que este possa arrefecer completamente vamos começar pelo creme de pasteleiro, se possível faça-o de véspera.
Assim sendo, ferva 400 ml de leite.
Entretanto numa panela de fundo anti-aderente misture com uma vara de arames 4 gemas, 125 gr de açúcar, 1 colher de sopa de açúcar baunilhado e 40 gr de amido e milho. Misture bem, acrescente 100 ml de leite frio, volte a mexer. Por último acrescente o leite fervido e, leve a cozer sem parar de mexer. Após começar a ferver deixe cozer sem parar de mexer por mais 3 minutos. Pronto, troque o creme de recipiente, cubra com película e guarde no frio. 

Pasta Joconde:

- 8 ovos (4 inteiros, 4 separados)
- 220 gr de amêndoa em pó
- 275 gr de açúcar
- 100 gr de farinha

- Comece por ligar o forno a 200ºC e forrar um tabuleiro com papel vegetal.
- Bata os ovos inteiros e as gemas com 175 gr de açúcar até ficar uma mistura fofa, cerca de 10 minutos. Envolva a amêndoa.
- Bata as claras, vá juntando o restante açúcar até formar picos fortes.
- Adicione delicadamente as claras ao preparado anterior.
- Por fim adicione a farinha peneirada, e envolva-a muito delicadamente para que a massa não perca ar.
- Vire a massa para o tabuleiro e leve a cozer de 10 a 15 minutos, faça o teste do palito.


Chantilly:

- 2 pacotes de natas dos pequenos
- 5 c sopa de açúcar
- 1 c chá de baunilha líquida

Bata as natas e vá acrescentando o açúcar aos poucos. Quando o creme começar a desapegar das beiras do recipiente acrescente a baunilha, mexa mais um pouco e está pronto. Leve ao frigorífico.


Coulins de amoras silvestres:

- 300 gr de amoras
- 100 gr de açúcar
- 1 c sopa de sumo de limão

Triture as amoras. Agora leve-as ao lume juntamente com o açúcar e com o sumo do limão. Deixe ferver por 2 minutos. Por fim é só coar e deixar arrefecer.


Calda para molhar o bolo:

- 100 ml de água
- 2 c sopa de açúcar
- 1 c sopa de um licor a gosto

Leve a água e o açúcar a ferver quando o açúcar dissolver desligue e acrescente o licor. Reserve.


COLOQUE 4 FOLHAS DE GELATINA A DEMOLHAR



MONTAGEM da obra de arte....

1- Disponha a pasta Joconde numa forma de fundo amovível e regue-a com a calda.
2- Divida o creme de  pasteleiro e o chantilly em 2 partes iguais.
3- Numa batedeira bata uma parte de creme de pasteleiro, e vá acrescentando uma parte do chantilly.  Por último verta 2 folhas de gelatina já escorridas e derretidas. E verta o preparado sobre a pasta joconde.
4- Também na batedeira bata a outra metade do creme de pasteleiro com a chantilly. Acrescente 1/4 do coulins de amora, misture e por último 2 folhas de gelatina derretida. Verta cuidadosamente este preparado sobre o anterior. Leve ao frigorífico por pelo menos 2 horas.
5- Na hora de servir, desenforme e use o restante coulins de amoras para fazer a cobertura.... Hmmmm









                                    ***** BOM APETITE *****


segunda-feira, 16 de maio de 2016

Flázinhos

Olá....


Hoje a receita é bem simples, aliás como todas as outras que eu tenho trazido. Só que a de hoje têm um propósito diferente, participar no passatempo  do blog cozinha100segredos  .

O desafio  era fazer uma receita com um ingrediente Açoriano. O ingrediente que foi escolhido aqui para o kantinho foi o Leite. Assim sendo, mãos á obra preparei uns deliciosos Flázinhos de baunilha.



INGREDIENTES (16 und):
  • 500 ml de leite
  • 2 ovos
  • 4 gemas
  • 120 gr de açúcar
  • 1 c. chá de baunilha líquida
  • Caramelo q.b. para untar as formas


PREPARAÇÃO:


- Coloque o leite ao lume até ferver. Deixe repousar por uns 10 minutos.
- Entretanto, bata os ovos com as gemas e o açúcar, até obter um creme fofo. Sem parar de bater acrescente o leite e a essência de baunilha.
- Unte as formas com o caramelo (eu usei formas de fazer natas). E distribua o preparado anterior.
- Coloque as forminhas num tabuleiro e, leve  cozer em banho-maria a 180ºC, durante 30 minutos. Desenforme e decore a gosto.










                        ***** BOM APETITE*****

segunda-feira, 9 de maio de 2016

Bolo de maçã super Húmido

OLÁ....

Cá por casa os bolos e tartes de maçã são muito apreciados. Por isso mesmo, volta e meia lá vai um para o forno. Este que vos trago hoje é indicado para acompanhar um belo de um chá. Um bolo fofo que durante a cozedura é regado com uma gulosa calda, fazendo com que fique super húmido e com um brilho de encandear os olhos. 





Para a massa:
- 1 c.sopa de fermento em pó
- 4 maçãs
- 2 ovos
- 4 c. sopa de óleo
- 8 c. sopa de açúcar
- 6 c. sopa de leite
- 10 c. sopa de farinha



Calada para molhar o bolo
- 1 ovo
- 80 gr de açúcar
- 60 gr de manteiga
- 1 c. chá de baunilha líquida



PREPARAÇÃO:

A preparação é muito simples. Pré aqueça o forno a 150ºC.

Coloque todos os ingredientes na batedeira com a exceção das maçãs, e bata por uns 10 minutos. Entretanto barre uma forma com manteiga (eu forrei com papel manteiga). Descasque as maçãs e corte-as ás meias luas.

Verta a massa para a forma e disponha as maçãs sobre a massa. Leve a cozer durante cerca de 30 minutos. Contudo, o segredinho deste bolo está aos 15 minutos de cozedura. Quando estiver meio de tempo de cozedura verta a calda sobre todo o bolo e deixe acabar de cozer por mais 15 minutos.



Para preparar a calda derreta a manteiga e retirar do lume. Acrescenta os restantes ingredientes o açúcar, a manteiga e a baunilha e mexa até que fique uma calda uniforme. Regue o bolo.

Desenforme frio.Na hora de servir eu polvilhei com um pouco de canela em pó.

P.S: o meu bolo fica super amarelinho porque é feito com ovos caseiros.







             ***** BOM APETITE *****

sexta-feira, 15 de abril de 2016

Bolo Moka

Olá....


Para os amates do café uma delícia, para os que não o apreciam é apenas mais um bolinho.

Num daqueles dias em que não á nada de especial para fazer, onde acabamos por nos sentarmos em frente ao computador a ver o que por lá aparece encontrei uma frase e sendo, a receita de hoje dedicada ao café, vou partilhar com vocês.
Não é nada mais, nada menos do que, a comparação do Homem a grãos de café . No fundo é uma crítica á atual sociedade em que vivemos.


     " Os Homens deste mundo são como grãos de café na máquina de moer,
      um antes, um depois, outro em seguida...
        Todos acabam por ir para o mesmo destino" 

                                                                                                            
Mas agora deixando as filosofias de parte, vamos para a parte doce... Bem docinha... Hmm e vou desde já confessar que me esqueci de tirar foto do bolo por dentro. Não foi comido cá em casa e quando me lembrei já era tarde... Mas o que há dá para terem uma ideia.







INGREDIENTES:
                             - 3 ovos
                             - 5 gemas
                             - 200 gr de açúcar
                             - 120 gr de farinha
                             - 200 gr de amêndoa laminada
                             - Calda de café:
                                                    - 6 expressos
                                                    - 6 c. chá de açúcar
                                                    - 1 c. chá whisky

                             - Creme de café:
                                                - 500 ml de leite
                                                - 100 gr de açúcar
                                                - 40 gr de amido de milho
                                                - 5 gemas
                                                - 2 c. sopa de café solúvel forte   


  1. Inicie pelo creme para que, tenha tempo de arrefecer. Leve ferver 400 ml. Entretanto bata com a vara de arames as gemas com o açúcar até formar uma gemada, acrescente o amido e seguidamente o restante leite. Quando o leite ferver retire do lume e acrescente-lhe o café solúvel, incorpore-o ao preparado anterior. Leve a cozer até levanta fervura. Troque de recipiente, tape com pelicula para que não seque a parte de cima e leve ao frio até arrefecer.
  2. Agora vamos fazer a massa do bolo. A massa é daquele pão de ló muito usado na páscoa. Assim sendo bata os ovos, as gemas, e o açúcar na velocidade máxima por 15 minutos. Por último e muito delicadamente envolva a farinha peneirada ao preparado com uma colher de pau. Leve a cozer a 200ºC por 40 minutos com a forma tapada com papel alumínio.
  3. Prepare a calda com que vai molhar todo o bolo 6 expressos dissolva o açúcar e o whisky muito bem, e já está.
  4. Quando retirar o bolo do forno leve as amêndoas laminadas a torrar. Para acentuar o sabor.
Com tudo preparado, agora é simples. Depois do bolo frio corte-o ao meio e com a calda molhe ambos os lados. Em seguida coloque uma parte do creme de café e feche o bolo. Volte a molhar com a calda a parte de cima do bolo e barre todo o bolo com o restante creme de café.

Por último é só decorar a gosto. Eu usei as amêndoas laminadas e profiteroles (pode encontra a receita dos profiteroles aqui).




                 *****BOM APETITE*****


                                     

                             









quarta-feira, 6 de abril de 2016

Folhado de Chocolate

OLÁ......

Já dizia Roger Stankewski


" Como pode ter gente viciada em drogas, em um planeta onde existe chocolate..."


Claro que não pode ser em exagero mas, ao longo dos tempos estudos têm afirmado diversos benefícios para a saúde. O chocolate tem propriedades antioxidantes, contribuindo também para a redução da hipertensão, controlo do colesterol e ainda, efeitos protetores para o sistema cardiovascular. Além disso, os resultados observados a olho dizem que são o bom humor e a sensação de bem-estar.

Não vou dizer coisas menos boas sobre ele. Claro que as há, mas fica para outra altura. O que importa agora é saber que, quando de boa qualidade e em quantidade controlada têm inúmeros benefícios.

Por isso, RELAXE com um pedacinho de chocolate na boca...


Se não é adepto de chocolate simples, opte por uma receitinha em que leve uma generosa quantidade de chocolate. Como esta que eu vos vou deixar. Espero que gostem.




FOLHADO DE CHOCOLATE DA LILI


            Acreditem fácil, rápido e económico.

Ingredientes:
- Uma tablete de chocolate (quanto maior a percentagem de cacau melhor)
- Uma placa de massa folhada retangular (eu comprei já feita)
- 1 ovo
- Amêndoas laminadas q.b
- Açúcar em pó q.b


Preparação:

- Ligue o forno 180ºC
- Disponha a massa folhada sobre uma folha de papel vegetal no tabuleiro de ir ao forno.
- Coloque a pasta de chocolate no centro da massa, em sentido contrário.
- Certifique-se que na parte de cima da pasta e na parte de baixo fica uma margem de  dois dedos e dobra sobre a pasta de chocolate.
- Nas laterais faça tirinhas na massa da largura de um dedo. Agora cubra a pasta de chocolate cruzando as tiras sobre o chocolate, em forma de trança.
- Para finalizar pincele com um ovo e polvilhe com as amêndoas.
- Leve ao forno, até a massa cozer.
- Na hora de servir polvilhe um pouco de açúcar em pó.




            

                    ***** BOM APETITE*****
       

sexta-feira, 1 de abril de 2016

Bolo Ópera

OLÁ....

Muito tempo sem passar pelo blog. Vou andando pela página de facebook.  Mas, hoje apareceu um tempinho e aproveitei para transcrever-vos uma deliciosa receita.

Um dos clássicos da pastelaria francesa, criado por Cyriaque Gavillon no ano de 1955. Já sabem qual é?

Não! Pois bem, resume-se a um bolo de camadas composto por biscoito Joconde, calda de café, camadas de creme de manteiga e café, e uma deliciosa ganache de chocolate.

E agora, já sabem qual é? Aposto que sim, apresento-vos o "meu bolo Ópera".....





Andei com a receita durante muito tempo no caderninho de receitas a fazer. Mas confesso que, cada vez que olhava para ela assustava-me e acabava por desistir. Até que um dia em que, tinha que fazer um bolo especial, para uma pessoa especial aventurei-me. Se corre-se mal... não podia correr mal.

Assim sendo, mãos á obra vamos.....


  • Pasta Joconde
- 8 ovos (4 inteiros, 4 separados)
- 220 gr de amêndoa em pó
- 275 gr de açúcar
- 100 gr de farinha

Preparação:

- Ligar o forno a 200ºC;
- Untar 3 tabuleiros (30 cm - 20 cm);
- Bata os ovos inteiros e as 4 gemas com 175 gr de açúcar até ficar uma mistura fofa, cerca de 10 minutos. Desligue e envolva a amêndoa moída;
- Bata as claras, vá juntando o restante açúcar até se formar picos fortes;
- Adicione as claras delicadamente ao preparado anterior;
- Por último com muito cuidado para que, a massa não perca o ar, envolva a farinha na massa;
- Divida a massa por 3 tabuleiros em partes iguais.
- Leve o forno até você tocar na massa e sentir que ela está seca. Se os dedos não ficarem marcados está pronta, +/- 10 minutos.

  • Ganáche de chocolate
- 170 gr de chocolate negro
- 120 gr de leite
- 40 ml de natas
- 1 + 1/2 c. sopa de manteiga

Preparação:

- Pique o chocolate em pedaços pequenos;
- Ferva o leite junto com as natas, após ferver verta sobre o chocolate. Com uma vara vá mexendo até que o chocolate derreta. Por fim acrescente a manteiga, volte a mexer.

  • Calda de café
- 200 ml de café expresso
- 75 gr de açúcar
- 5 gr de café instantâneo em pó


Preparação:

-  Como o expresso já sai quente da máquina, junte todos os ingredientes nele e mexa até dissolver o açúcar.

  • Creme de Manteiga e café
- Merengue
                - 125 gr de açúcar
                - 40 gr de água
                - 70 gr de claras

Preparação:
- Faça o merengue em primeiro lugar para que este arrefeça. Leve ao lume 125 gr de açúcar com 40 gr de água, deixe cozinhar até formar o ponto bala mole. Vá passando um pincel molhado em água nas bordas da panela para não ganhar cristais de açúcar.
- Enquanto isso leve as claras a bater até começar a ganhar uns picos.
- Por fim, com o açúcar no ponto e as claras prontas. Com a batedeira a trabalhar vá deitando a calda do açúcar em fio sobre as claras. Deixe bater até que o merengue arrefeça.

- Creme Manteiga
                - 5 gemas
                - 240 gr de açúcar
                - 360 g de manteiga amolecida
                - 10 gr de café instantâneo
                - 20 ml de expresso á temperatura ambiente

Preparação:
- Bata a manteiga com o açúcar até ficar um creme fofo. Acrescente as gemas uma a uma sem parar de mexer.
- Por fim acrescente o café e o expresso. Mexa até que esteja tudo uniforme.

Para finalizar o creme de manteiga e café, temos de juntar o merengue ao creme de manteiga. Assim sendo, lentamente a uma velocidade média acrescente o creme de manteiga ao merengue até formar um creme liso.

  • Cobertura final de chocolate
- 200 gr de chocolate
- 50 gr de margarina
- 50 gr de óleo

Preparação:
- Levar todos os ingredientes em banho-maria até obter um creme liso e homogéneo.


CONSTRUÇÃO DO BOLO
 - A base do bolo é uma pasta Joconde, pincelar essa pasta com o xarope de café.
- Colocar uma camada de creme de manteiga sobre o xarope de café ( a quantidade fica á sua vontada, eu faço com uns 4 mm de expessur).
- Colocar a segunda pasta Joconde, pincelar com o xarope de café. Espalhar a ganáche sobre o xarope.
- Por cima da ganache sobreponha a terceira pasta Joconde, pincelar novamente. Verter mais uma camada de creme de manteiga a quantidade que desejar.
 - Leve ao frio por uma hora. Entretanto prepare a cobertura final de chocolate.
- Retire do frio e verta a cobertura de chocolate. Com uma espátula certifique-se que fica lisa.
- Leve novamente ao frio.
- Antes de servir apare todos os lados do bolo para que se possa ver as camadas. Decore a gosto.





Acho que não me posso envergonhar do resultado... Na verdade deu mais trabalho escrever a receita de modo simples, do que fazer a mesma...



     *******BOM APETITE*******